April 19, 2018 at 10:00AM

By 19/04/2018Instagram

A mudança, para ser sustentável, tem que ser profundamente conectada com quem você é. O que mais vemos por aí são promessas de mudança rápida, normalmente, mas que não estimulam a adaptação ao nosso modelo de mundo. Se conhecer é entender também o que faz sentido para você para que use a estratégia como uma sugestão adaptável e não como uma regra que, em si, te mudará. Quem atinge os resultados é você e isso quer dizer que não importa a simplicidade da técnica/estratégia, se ela não fizer sentido para você, se for contra seus valores e necessidades e se ameaçar sua sensação (mais primitiva) de segurança, você não vai implementar isso de maneira duradoura e sustentável. E falo tudo isso por experiência própria, porque foram a partir dessas descobertas e ações baseadas em mim e na minha história que mudei e, consequentemente, emagreci os 50kg naturalmente há 2 anos atrás. A mudança sustentável tem a ver com autenticidade, resiliência e ação personalizada. Generalizar a “regra” pode significar que estamos agindo puramente no fogo de palha (ou na motivação externa). Eu quero saber o que vamos fazer quando a coisa ficar feia, quando o caminho ficar puxado, quando a escalada ficar difícil. Como vamos sustentar a mudança em nossas vidas com resiliência, coragem e de forma agradável e que faz sentido (e não na marra ou força de vontade desesperadora!!)? Como, hein? Descubra-se. Via Instagram https://ift.tt/2JWlOc2

Comentários

comentarios